Cumprir

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
PJ tem cumprido o seu papel com brio. o governo que cumpra o seu!

Bem-vindo 2022! Ano Novo! 2021 foi mais um ano difícil, em que tivemos todos de nos superar, enfrentando esta pandemia que teima em não nos largar. Este vírus que resiste, insistindo em não desaparecer. Ou atenuar, pelo menos, pois talvez nunca desapareça. Como acontece com outros vírus, que se tornam endémicos, passando a conviver connosco controladamente. Este vírus está a cumprir o seu papel, sem dúvida.

Como qualquer vírus. Sobreviver é a única missão. A sua função. Resistir para sobreviver. E tem cumprido escrupulosamente. Infelizmente. Cumpramos nós, também! Todos. Sejamos como ele. Melhor do que ele, aliás! Individual e coletivamente. Pessoal e institucionalmente. Enquanto pessoas, famílias, cidades, países. Enquanto mundo. Humanidade. Sejamos bravos e solidários. Responsáveis. Sejamos nós, sociedade, e sejam especialmente os governantes, a quem cabe dar o exemplo. Na Justiça, a PJ tem cumprido o seu papel. Com brio e competência, diga-se. Com o devido reconhecimento público.

O governo que cumpra também o seu! Que dê provas sérias da reconhecida importância e essencialidade da PJ! Da PJ e de quem nela persiste, incansavelmente, no cumprimento da sua missão…