Generalistas e especialistas

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
PJ insere-se nos especialistas. Sem cobiça nem complexos.

Uma das formas de classificação usadas para agrupar os animais na Natureza prende-se com o seu grau de exigência em relação à alimentação e habitat. Ou seja, o nível de especialização de cada espécie.

Segundo essa ordem, os seres vivos são divididos em duas categorias: generalistas e especialistas. Os animais generalistas apresentam hábitos alimentares e habitat diversificados, tendo por isso uma maior capacidade de dispersão.

Por sua vez, os animais especialistas são mais exigentes e específicos, vivendo apenas em determinado habitat e possuindo uma dieta muito específica. Os generalistas apresentam assim um nicho ecológico amplo e os especialistas um nicho ecológico muito específico.

Como meros exemplos, entre os primeiros encontramos as baratas e os ratos, e entre os segundos o urso panda. Ao contrário das espécies especialistas, sucede por vezes espécies generalistas quererem invadir nichos já ocupados, o que leva normalmente a não terem sucesso. Por razões óbvias.

Transpondo esta classificação para o sentido figurado entre o meio social, a PJ insere-se, definitivamente, e continuará a inserir-se, no grupo de especialistas. Sem cobiça nem complexos.